Pílulas de Sabedoria

Acordou incomodado com sua barriga. Quando passou pela farmácia, o ponteiro marcava 112 kg. Se sentiu inferiorizado. Os amigos o chamavam de balofo, o argumento de que era um “calo sexual” não o servia mais. A esposa não se incomodava, porque na cama era tudo às mil maravilhas.

Um conhecido se solidarizou com o drama. O apresentou a outro conhecido que vendia umas pílulas. No rótulo estava escrito “Sibutramina”. O “vendedor” fez questão de dizer que o medicamento estava proibido, que não vendia nas farmácias. “A máfia dos remédios”, alegava. Gastou o que não tinha, comprou dois frascos.

Em duas semanas, o resultado apareceu. Perdeu um, dois, cinco, dez, quinze. Quinze quilos em um mês. Se sentiu mais bonito. O humor mudou. Incrivelmente, para pior. Estava impaciente, irritadiço. A mulher o achou diferente. Os amigos do trabalho pararam de sacanear, e elogiaram o progresso.

Entretanto, houve um problema: Em casa, não dava conta. À medida que a barriga sumia, o apetite sexual não aparecia. As pílulas moderaram tudo. Nem a azul deu jeito. A mulher chorava, achava que ele tinha conhecido um caso na rua. Confusão. Tristeza. Infelicidade. Brigaram como nunca tinham brigado. A barriga, a moral, a alegria, tudo diminuiu.

Um dia, chegou mais cedo em casa. A mulher apareceu logo depois, de cabelos molhados. Estranhou. Discutiu. Ela admitiu. Traiu. Com um cliente do salão de beleza onde trabalhava. Disse que, se ele tinha um caso na rua, ela podia ter também. Ele enlouqueceu. Gritou. Quase agrediu. Perdeu a barriga, mas ganhou um chifre. E nada da libido voltar. Tomou uma decisão. Parou com as pílulas.

Quarenta e cinco dias depois, recuperou não só os quinze quilos, como ganhou mais oito de bônus. Voltou a desejar a esposa, loucamente. Ela pediu desculpas, o marido estava de volta. Os amigos voltaram a sacanear. Ele perdeu a magreza, mas sua paz voltou. Na escolha das vaidades, optou pelo que o deixava – ironicamente – mais leve.

Anúncios

Agora pare: Escreva um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s