15

– Oi
– Oi
– Você vai levar a Pequena à festa de 15 anos hoje?
– Levo, claro, sem problema algum. Onde é?
– Aqui perto.
– Certo, me passe o endereço certinho.
– Tá aqui o endereço.
– Perto? Onde que 70 quilômetros são perto? Me explique, por favor.
– Pare com isso, será tranquilo.
– Uma festa intermunicipal. Era só o que faltava. Daqui a pouco, além de carro, vou ter de usar o passaporte.
– Sábado à noite, nem vai ter trânsito.
– Só buracos, má sinalização, essas coisas. Ah, e chuva. Inclusive está chovendo neste momento. Agora a chuva é temporal, e todo céu vai desabar.
– Você pode ser um pouco menos dramático?
– Posso, mas é muito fácil ser pragmática quando não é você que vai dirigir.
– Inclusive comprei um sapato pra Pequena usar?
– Hum. Caro?
– Não, uma pechincha.
– Uma pechincha no estilo “70 quilôemtros é perto”?
– Mais ou menos por aí.
– Não basta ser chofer, o orçamento vai pras cucuias.
– Quer ver o sapato ou não?
– Quero, me mostre.
– Tá aqui.
[abre a caixa com o sapato]
[arregala os olhos, a boca seca. Olha pra ela com cara de espanto]
– O que foi, tem a etiqueta de preço aí?
– Ela vai usar salto? Assim, um salto alto?
– Claro que vai, ela não tem mais 5 anos, tem 15 anos. É uma ocasião especial.
– Mas, mas, mas…
– É a evolução natural das coisas, você não sabe disso? Sempre foi um pai liberal, participativo, agora está com essa mentalidade. Não estou entendendo.
– Na prática, a teoria é outra.
– Pare de besteira. Temos de correr. Preciso maquiá-la.
– Ela vai usar maquiagem? Estou sentindo dores no peito.
– Claro que vai usar maquiagem! Vai ficar ainda mais bonita. E sobre as dores no peito, devem ser gases. Quer um remédio? [gargalha]
[cara de poucos amigos]

* * *

– Filha?
– Oi.
– Tá tudo alinhado pra festa? Tudo certinho?
– Tá, já escolhi minha roupa e tudo. Quer ver?
– Quero.
– Tá aqui.
[uma blusa preta, uma saia azul marinho, o sapato alto]
– Hum. Bom gosto. Pelo menos isso.
– Tenho bom gosto, aprendi com mamãe.
– Só espero que você não tenha aprendido com sua mãe o gosto por namorados, olha eu aqui provando que ela não tem razão.
– Pare com isso. E nisso eu quero ser melhor que ela. Estou aprendendo tudo.
– Bem, se o namorado de cabelo azul foi um prenúncio, digamos que você não começou bem.
– Mãe, ele está me sacaneando!
– Sai daí, não estressa a menina. Deixa eu maquiá-la.

* * *

[minutos antes de sair de casa]

– Pequena já está pronta?
– Passando perfume.
– Tá bonita?
– Você vai ver.
– Ela é bonita, minha Pequena. Tá grandona já.

[sai do quarto, faz mini desfile.]
[silêncio prolongado]

– Que foi, não gostou da roupa? Da produção?

[coça a cabeça…]
– Filha, cuidado na festa, divirta-se, vê se não vai dar mole pra vagabundo.
[ri, calma] Pode deixar, você está me ensinando as malandragens…

[pega o carro, vai pra festa]

* * *

[70 quilometros depois…]

– Filha, boa festa.
– Obrigado.
– Você está linda. Juízo.
– Benção
– Deus te abençoe. Te amo.
– Eu também.

[ 70 quilômetros voltando…]

– Você está calado, amor. Tá tudo bem?
– Ela está linda, né?
– Pois é, tá virando um mulherão.
– É…
– Não gosto de te ver calado assim, o que você está pensando?
– Apenas a realidade.
– E qual é a realidade?
– Danou-se. Perdi. A Pequena está ficando grande.
[gargalham]

__________

Sobre as aventuras e desventuras da paternidade, O Namorado de Cabelo Azul e O Beijo

Anúncios

6 opiniões sobre “15

  1. Pingback: O Evento | Cotidiano e Outras Drogas

  2. Pingback: Cabelo Rosa | Cotidiano e Outras Drogas

  3. Pingback: A Viagem | Cotidiano e Outras Drogas

  4. Pingback: Ororo, o Cinema e a Sogra | Cotidiano e Outras Drogas

  5. Pingback: O Namorado de Cabelo Azul – Parte 2: O “Inimigo” Agora é Outro | Cotidiano e Outras Drogas

Agora pare: Escreva um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s