Diários Secretos da Cafajestagem – Capítulo XI – O Consórcio

[Nada escrito neste texto é inverídico. Qualquer semelhança com a vida real não é mera coincidência. São depoimentos reais de cafajestes atuantes, em remissão, aposentados, mas sempre, sempre com o gene da cafajestagem como dominante]

[Em uma reunião no bar da faculdade…]

– E aí, galera?
– Fala, beleza?
– Tudo na paz. Como está essa força?
– A solteirice consumindo, tá complicado. Vida de estagiário não é fácil, não sobra dinheiro pra nada. No máximo, estou no estilo Bozo, só nas bicotas.
– Todos nós estamos passando por isso. Tá difícil até pra paquerar, nunca tem uma graninha, pro cineminha, prum jantarzinho, nada…
– Tá complicado.
– Traz mais duas cervejas aí.

[cês vão pendurar essa porra ou pagar?]

– Pera, deixa a gente contar umas moedas aqui.

* * *

– Tive uma idéia para sairmos desse miserê sexual.
– Qual?
– Vocês conhecem aquele site de acompanhantes, o Classe A?
– Claro, sonho de consumo, só modelos ficha-rosa.
– Que isso, não seja chulo. É escort girl.
– Que babaquice, porra. Esses nomes de gourmet. Respeitem as moças.São mulheres lindas. E que cobram alto. E isso é um problema: Se eu não tô conseguindo nem pagar o motel, como é que vou sonhar com uma coisa dessas?
– Tenha calma, tenho a solução pra isso. Vocês sabem que eu estagio em banco. Estou responsável pela parte de consórcio…
– E?
– É o melhor mecanismo para se conseguir sonhos gastando pouco. Sem juros, sem gasto exorbitante, sem nada.
– Como funciona?
– Simples. Somos em sete. Me dá seu telefone aí? Ele tá com créditos? Já explico.
– Toma, tenho uns bônus de ligação.

[liga pra moça]
[conversa]
[debate sobre valores]
[se despede com um beijo]

– Então, por 3 horas de companhia, R$ 700,00.
– Somos em 7, então cada um dá R$ 100,00 por mês. Fazemos um sorteio. Quem sair, tem direito ao sonho do mês. Os outros vão pela ordem.
– Que idéia genial!
– Eu sei, mereço até não pagar a conta hoje.
– Nem fudendo, vai pagar sim.
– Eu tenho uma dúvida, precisamos fazer um contrato disso.
– Contrato? Somos amigos, que coisa de traíra!
– Não. Temos de colocar as cláusulas bem claras. Se porventura começar a namorar após o início do consórcio, tem que continuar contribuindo.
– Alguém se opõe? E se não usufruiu, como fica?
– Aí cabe à responsabilidade de cada um, se vai retirar o prêmio ou não. Qualquer coisa, pega a grana. Todos de acordo?
– Sim. E tem mais, não podemos ficar com a mesma garota, pra termos assuntos diferentes na mesa.
– Essa é uma cláusula elitista, hein? Mas tudo bem.
– Quem ganha o sorteio tem direito a prioridade na seleção?
– Tem.
– E o que mais no contrato, senhor legalista?
– O de sempre, sem fotos, sem registros. Ok?
– Ok.
– Amanhã no escritório eu faço o contrato.
– No escritório é um cacete. Contrato entre amigos, feito no bar, merece papel especial. Angelim, traz o papel toalha aí!
[o garçom traz o papel toalha]
[Escrevem os termos. Todos assinam]
– Cuidado com a mesa molhada, porra. Esse contrato é algo sério.

* * *

E foi assim que aqueles 7 estagiários, um por mês, durante 7 meses, tiveram a oportunidade de conhecer, até aquele momento, a companhia das mulheres mais estonteantes de suas vidas.

___________

Baseado em argumento do brother Renato

O capítulo I dos Diários Secretos da Cafajestagem, “La Bombonera”, está aqui

O capítulo II dos Diários Secretos da Cafajestagem, “Reveillón”, está aqui

O capítulo III dos Diários Secretos da Cafajestagem, “A Falha”, está aqui

O capítulo IV dos Diários Secretos da Cafajestagem, “Evidências”, está aqui

O capítulo V dos Diários Secretos da Cafajestagem, “Impedimento”, está aqui

O capítulo VI dos Diários Secretos da Cafajestagem,”Urucubaca e Pênalti”, está aqui

O capítulo VII dos Diários Secretos da Cafajestagem,”Cultura da Sacanagem”, está aqui

O capítulo VIII dos Diários Secretos da Cafajestagem, “Nome Artístico”, está aqui

O capítulo IX dos Diários Secretos da Cafajestagem, “O Churrasco”, está aqui

O capítulo X dos Diários Secretos da Cafajestagem, “Aniversário”, está aqui

Anúncios

5 opiniões sobre “Diários Secretos da Cafajestagem – Capítulo XI – O Consórcio

  1. Pingback: Diários Secretos da Cafajestagem – Capítulo XVI – Das Fraudes | Cotidiano e Outras Drogas

  2. Pingback: Diários Secretos da Cafajestagem – Capítulo XV – Cachê | Cotidiano e Outras Drogas

  3. Pingback: Diários Secretos da Cafajestagem – Capítulo XIV – Putão | Cotidiano e Outras Drogas

  4. Pingback: Diários Secretos da Cafajestagem – Capítulo XIII – Miscelânea | Cotidiano e Outras Drogas

  5. Pingback: Diários Secretos da Cafajestagem – Capítulo XII – A Toalha | Cotidiano e Outras Drogas

Agora pare: Escreva um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s