Pelada

Naquele retângulo, campo de futebol, há uma máquina do tempo, onde homens se transformam. Muitos dos sonhos de infância voltam à flor da pele. Não há diferença de idade, credo, etnia, muito menos de talento e técnica. A pelada é a instituição mais democrática que a sociedade pode criar.

Disse um técnico campeão do mundo de futebol, certa vez, que, em uma peneira de qualquer esporte, se um técnico recusa um anão, um aleijado e um gordão, terá feito a coisa certa. Mas, se for no futebol, poderá ter recusado Maradona, Garrincha e Puskas. Essa é a mística, embora na pelada não haja nem Caça-Ratos, quanto mais um dos antes citados.

Naqueles minutos intermináveis pra quem joga, onde se mata a saudade e o fôlego, não existem nomes nem sobrenomes. Não há Saldanhas, Almeidas, Silvas. Há “toca”, “passa” e, com o passar da intimidade, “puta que pariu”, “filho da puta” e “vai tomar no cu”. O palavrão da pelada não é ofensivo, é solidário. É o passaporte da amizade que depois vira cerveja, abraço e sorriso.

Tem aquela contagem benevolente de gols e assistências, esquecendo convenientemente das patacoadas e dos erros crassos. Aquela galhofa providencial e a sensação de redescobrir músculos antes esquecidos. E, claro, sempre, um sorriso prosaico e singelo, por isso tão bonito, de reviver momentos que estavam largados dentro da selva de pedra que se transforma a alma de adultos.

Até porque, na pelada, jogam pessoas de todas as idades e classes sociais. É uma grande massa uniforme de alegria. O drible é a maior das justiças, humilha indistintamente. O erro também não perdoa ninguém. O sambista diria que todo menino é um rei. Na pelada, amigo, todos viram reis de novo.

Anúncios

Agora pare: Escreva um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s