Enfrentando Demônios

[acorda de madrugada, sobressaltado]
[olha assustado]

– Há quanto tempo você está aí?
– Desde sempre.
– Nós já nos encontramos antes?
– Certamente.
– Nunca tinha visto você. Já vi vários como você, mas não a sua figura.
– Eu sempre fitei seus olhos, agora é hora de conversarmos.
– O que você quer de mim?
– Eu? Você.
– Não vai conseguir.
– Será?
– Não tenho dúvida alguma.
– Mas eu te atormento, te tiro o sono, te levo à loucura, te faço pensar.
– Isso não é mérito seu, não preciso de alguém pra me fazer essas coisas.
– Você é arrogante.
– Não. Eu sou altivo. São coisas diferentes.
– E debochado.
– Isso eu sou mesmo. Coloca sarcástico na descrição, que cabe.
– Vou te levar ao inferno.
– Não preciso de guia, conheço o caminho.
– Você não tem medo de mim?
– Não, nenhum. Tenho medo de mim.
– Hum.
– O que foi?
– Essa autoconfiança, que tenta disfarçar a fragilidade.
– Eu nunca escondi meus medos.
– Hipócrita.
– Também nunca escondi que sou hipócrita. Convivo bem com isso. E com minhas idiossincrasias também.
– Hum.
– Mas, por não me faltar medos, me sobra coragem. Eu não tenho nenhum temor de você.
– Vamos ver como você se sai no mar de angústia.
– Navego por isso desde que me entendo por gente. O veleiro enverga, mas não quebra. Mar calmo nunca fez bom arrais, de tormenta é que se vive.
– Você me irrita.
– Esse não é um problema meu. E, quer saber? Sinto falta dos dias azuis, mas consigo conviver com o cinza.
– Uma hora você esmorece para a chuva.
– Uma hora as cicatrizes revelam o sol.
– Eu não sei o que pensar de você.
– Está receoso?
– Que audácia.
– Quem é o demônio, eu ou você?
[olha surpreso]
– Está amanhecendo, é hora de você ir embora.
– Você perdeu seu sono.
– Mas não perdi a vontade. O jogo é jogado. E eu me sinto muito bem com o dia claro. Você não.
– Você brinca com a loucura.
– Tenho mais medo da normalidade.
– Debochado.
– E sarcástico. Não esquece.
– Eu volto pra te questionar.
– Estarei esperando.

Anúncios

3 opiniões sobre “Enfrentando Demônios

  1. Pingback: Cara a cara | Blog do Borgo

Agora pare: Escreva um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s