Menino

Às vezes, é preciso ser menino. Saber que nem tudo está sob controle. É preciso lutar até onde der e tentar saber qual o limite. Como descobrir o limite? Nem sempre é possível, mas é sempre necessário tentar. E viver e cantar e sorrir e chorar.

Homem não chora. Chora. Chora sentido, copioso, dolorido. Até sem lágrimas, quando ninguém está vendo. Chora por saber e por não saber. Por ver e por não ver e, até mesmo, por antever. E mergulha no mar de lágrimas, oceano tempestuoso que queima com as águas vivas da dúvida e da incerteza. Chora, mas não abaixa a cabeça.

É preciso ser pé descalço. Arte, moleque, toco y me voy. Driblar a tristeza, mesmo quando vem aquele carrinho violento do destino. O jogo é jogado, nem todas as faltas são marcadas. Mas se marcar, tem de encobrir a barreira da dificuldade, ao menos tentar. E se a barreira pular, mete a bola rasteira. Só não cobra escanteio curto. A vida é tática no horário comercial. No destino, é melhor jogar a bola na área.

E se refugiar no sono ou na solidão, porque às vezes são bons conselheiros. Fé amolada, faca cega. Sonho que se sonha só é acalento. Calma. Respira. Nem tudo está sob controle. Mas, por ora, só hoje, pra que se preocupar com o tempo? Quem se preocupa com o tempo é homem feito. Nem sempre é necessário ser homem feito. Às vezes, é preciso ser menino.

Anúncios

3 opiniões sobre “Menino

  1. Ótimo texto, Arthur!
    A doce esperteza infantil. A arte de não se preocupar e que quando se preocupa o poder ser maroto de resolver ou de simplesmente deixar pra lá…. e ser feliz. Rindo dos carrinhos da vida, driblando os contratempos ou simplesmente chorando mesmo. Vá entender. Acho que a graça é essa ao final de tudo.

    Curtir

Agora pare: Escreva um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s